Portal NippoBrasil - OnLine - 19 anos
Quarta-feira, 20 de outubro de 2021 - 4h39
  Empregos no Japão

  Busca
 

SEÇÕES
Comunidade
Opinião
Circuito
Notícias
Agenda
Dekassegui
Entrevistas
Especial
-
VARIEDADES
Aula de Japonês
Automóveis
Artesanato
Beleza
Bichos
Budô
Comidas do Japão
Cultura-Tradicional
Culinária
Haicai
História do Japão
Horóscopo
Lendas do Japão
Mangá
Pesca
Saúde
Turismo-Brasil
Turismo-Japão
-
ESPORTES
Copa 2014
-
ESPECIAIS
Imigração
Tratado Amizade
Bomba Hiroshima
Japan House
Festival do Japão
-
COLUNAS
Conversando RH
Mensagens
Shinyashiki
-
CLASSIFICADOS
Econômico
Empregos BR
Guia Profissionais
Imóveis
Oportunidades
Ponto de Encontro
-
INSTITUCIONAL
Redação
Quem somos
-
 
É tempo de festa em Santa Catarina!

Todos os anos, em outubro, muitas cidades catarinenses promovem as suas tradicionais festas, com muita cultura, pratos típicos e, claro, muito chope e cerveja, que atraem milhares de turistas de todo o País


FESTANÇA - Marejada ocorre em Itajaí entre os dias 8 e 20 deste mês de outubro

 

(Arquivo NB)

Com espaço já reservado na agenda anual de atrações turísticas do Brasil, o mês de outubro é dedicado às famosas festas de Santa Catarina. Quem nunca ouviu falar na Oktoberfest, ou na Fenachopp, por exemplo? Se você é fã de cerveja, gosta de preservar as tradições culturais dos povos imigrantes colonizadores do Estado, como alemães, italianos e austríacos, dentre outros, e não dispensa uma boa diversão, faça as malas e reserve sua passagem para Santa Catarina!

Pelo Estado todo, é só festa. Em lugares diferentes, porém a curtas distâncias, o calendário festivo de Santa Catarina corre solto e é possível acompanhá-lo, sim. As distâncias entre as cidades-sedes ficam numa média de 170 km, com o mínimo de 35 km de via rodoviária entre as litorâneas.

Assim, prepare-se para ver, em Blumenau, a Oktoberfest; em Brusque, a Fenarreco; em Itajaí, a Marejada; em Jaraguá do Sul, a Schützenfest; em Joinville, a Fenachopp; em Rio do Sul, a Kegelfest; em São Bento do Sul, a Musikfest; em Rio Negrinho, a Oberlandfest; e a Festa do Imigrante, em Timbó. Indo para o interior, você pode passar pela Tirolerfest, em Treze Tílias; e a Oktoberfest de Itapiranga.

As festas

Em Joinville, a Festa Nacional e Internacional da Cerveja, Fenachopp, tem como destaque o concurso nacional de tomadores de chope em dúzia, o choppemduzia; a degustação de cervejas nacionais e internacionais, a degustabier; e a maratona do barril, com a corrida de algumas centenas de metros carregando nas costas um barril de madeira de 23 kg. Na Expoville, local da festa, a comida alemã é vendida nos restaurantes típicos, com chope e cerveja de várias marcas.


PASSEIO - Oktoberfest: maior festa da cerveja do Estado

Na cidade de Timbó acontece, durante cinco dias, a Festa do Imigrante. Resgatando e preservando as tradições alemãs dos habitantes da cidade, essa comemoração é uma ótima oportunidade para o turista entrar em contato com a música, a dança, a gastronomia, o folclore, e, claro, com o chope.

A Kegelfest, em Rio do Sul, é uma festa alemã criada a partir do amor pelo esporte. Nesse caso, o bolão. Com competição esportiva, muita festa, comida e bebida, a Kegelfest é uma ótima opção para quem gosta de chope, já que essa comemoração é a que bate o recorde de consumo da bebida dentre todas as festas de outubro em Santa Catarina.

Outra festa alemã a ocupar o calendário de outubro em Santa Catarina é a Schützenfest, em Jaraguá do Sul. O forte dessa comemoração é a prática de tiro ao alvo, cultivada pelas dezenas de clubes da região. Com exibição de carros alegóricos, a Schützenfest também conta com música e pratos típicos alemães.

Segunda maior festa da cerveja do mundo, a Oktoberfest tem duas semanas e meia de duração regadas com muita diversão. São 400 horas com músicas de bandas típicas nos quatro pavilhões do Parque da Oktoberfest, em Blumenau. Outras atrações são os carros que distribuem chope pelas ruas, os pratos típicos, as lojas de souvenirs, o concurso de tomadores de chope e a beleza da rainha e das princesas da festa.

A Fenarreco, em Brusque, tem como principal atrativo o prato típico muito apreciado pelos descendentes de alemães do Vale do Itajaí: o Ente mit Rotkohl, em outras palavras, marreco recheado com repolho roxo. Em ambiente tranqüilo e seguro, na Fenarreco, o turista vai encontrar diversas iguarias da gastronomia alemã, ao som de bandas típicas regionais.

A festa da música, ou Musikfest, em São Bento do Sul, tem três dias de integração cultural por meio da exibição de grupos folclóricos, gastronomia, feira de artesanato, bailes típicos, bandas, e tomadores de chope em bota de cristal. São Bento do Sul, em razão da grande quantidade de grupos de canto e de música, é chamada de “Cidade da Música”.


TRADIÇÃO - Fenachopp, em Joinville, atrai milhares de turistas todos os anos

A Oktoberfest de Itapiranga também enfatiza as tradições culturais alemãs e, como gostam de frisar os habitantes da cidade, foi a primeira Oktoberfest do Brasil. Para os turistas, folclore, gastronomia, dança, música, prática de tiro ao alvo e muito chope!

Num ambiente tipicamente austríaco acontece a Tirolerfest, em Treze Tílias. Uma das partes mais esperadas da comemoração é o desfile alegórico pelas ruas da cidade contando a saga dos imigrantes e a história do Tirol. À noite, a diversão está nos pavilhões de shows.

A Marejada é a maior festa portuguesa do pescado no Brasil. É quando as tradições do além-mar se fazem presentes numa comemoração de 17 dias na cidade de Itajaí, com culinária luso-açoriana, música e dança típica. Todos os anos, essa festa costuma atrair cerca de 200 mil pessoas.

Fechando o ciclo das festas, em quatro dias de diversão, o turista pode aproveitar todas as atrações da Oberlandfest, em Rio Negrinho. Com os tradicionais desfiles de grupos folclóricos, bailes de danças típicas e concursos de tiro ao alvo, a festa conta com os já consagrados tomadores de chope em metro, muita comida típica e os desafios entre serradores de lenha.

 

Arquivo NippoBrasil - Edição 278 - 6 a 12 de outubro de 2004
 Arquivo - Turismo Brasil
Arquivo NippoBrasil - Edição 282
• Turismo para relaxar no feriado
Arquivo NippoBrasil - Edição 281
• Cunha e Bananal: história e ecologia no interior de São Paulo
Arquivo NippoBrasil - Edição 278
• É tempo de festa em Santa Catarina!
Arquivo NippoBrasil - Edição 277
• Curitiba: turismo com qualidade de vida
Arquivo NippoBrasil - Edição 275
• Serras Gaúchas: turismo europeu - Parte 2
Arquivo NippoBrasil - Edição 274
• Serras Gaúchas: turismo europeu - Parte 1
Arquivo NippoBrasil - Edição 273
• Uma viagem histórica por Minas Gerais - Parte 2
Arquivo NippoBrasil - Edição 272
• Uma viagem histórica por Minas Gerais - Parte 1
Arquivo NippoBrasil - Edição 271
• Paraty
Arquivo NippoBrasil - Edição 269
• Petrópolis, cidade imperial
Arquivo NippoBrasil - Edição 268
• Caxambu: raízes indígenas e africanas
Arquivo NippoBrasil - Edição 266
• Campo Grande, Cidade Morena
Arquivo NippoBrasil - Edição 265
• Paranapiacaba: atrações a céu aberto
Arquivo NippoBrasil - Edição 264
• Campos do Jordão: Um pedaço da Europa no Brasil
Arquivo NippoBrasil - Edição 263
• Araxá: “onde primeiro se avista o sol”
Arquivo NippoBrasil - Edição 262
• Águas de São Pedro: beleza natural bem próxima a São Paulo
Arquivo NippoBrasil - Edição 260
• Poços de Caldas, MG - Tudo começou com a água...
Arquivo NippoBrasil - Edição 259
• Búzios é atração no litoral norte do RJ
Arquivo NippoBrasil - Edição 257
• Atibaia para todos os gostos
Arquivo NippoBrasil - Edição 256
• Monte Verde é opção de viagem completa
Arquivo NippoBrasil - Edição 255
• História e natureza em Angra dos Reis
Arquivo NippoBrasil - Edição 253
• Águas de Lindóia o paraíso das águas milagrosas
Arquivo NippoBrasil - Edição 252
• Socorro oferece diversão sem parar aos turistas
Arquivo NippoBrasil - Edição 251
• Serra Negra: saúde e diversão para toda a família
Arquivo NippoBrasil - Edição 250
• Brotas: aventura, natureza e descanso
Arquivo NippoBrasil - Edição 249
• Caldas Novas é quente
Arquivo NippoBrasil - Edição 248
• Foz do Iguaçu: natureza, tecnologia e história


A empresa responsável pela publicação da mídia eletrônica www.nippo.com.br não é detentora de nenhuma agência de turismo e/ou de contratação de decasségui, escolas de línguas/informática, fábricas ou produtos diversos com nomes similares e/ou de outros segmentos.

O conteúdo dos anúncios é de responsabilidade exclusiva do anunciante. Antes de fechar qualquer negócio ou compra, verifique antes a sua idoneidade. Veja algumas dicas aqui.

© Copyright 1992 - 2021 - NippoBrasil - Todos os direitos reservados