PORTAL NIPPOBRASIL ONLINE - 19 ANOS
-
Fale conosco: adm@nippo.com.br   
Quinta-feira, 15 de novembro de 2018 - 9h28
DESTAQUES:
  Empregos no Japão

  Busca
 
  Seções NippoBrasil
   Comunidade
   Opinião
   Circuito
   Notícias
   Agenda
   Dekassegui
   Entrevistas
   Especial
-
  Variedades
   Aula de Japonês
   Automóveis
   Artesanato
   Beleza
   Bichos
   Budô
   Comidas do Japão
   Cultura-Tradicional
   Culinária
   Haicai
   História do Japão
   Horóscopo
   Lendas do Japão
   Mangá
   Pesca
   Saúde
   Turismo-Brasil
   Turismo-Japão
-
  Esportes
   Copa do Mundo 2014
   Copa das
 Confederações 2013
-
  Especiais
   Imigração Japonesa
   120 anos de Amizade  Japão-Brasil
   Bomba de Hiroshima
   Japan House
   Festival do Japão 2018
-
 Colunas
   Conversando de RH
   Mensagens
     Roberto Shinyashiki
-
 Veja mais  Classificados
   Econômico
   Empregos no Brasil
   Guia Profissionais
   Imóveis
   Oportunidades
   Ponto de Encontro
-
  Interatividade
   Fale com a Redação
-
  Institucional
   Quem somos



Brincadeira que faz bem

Atividade ajuda o animal a desenvolver a saúde, a inteligência e as habilidades sociais
 

(Reportagem: Suzana Sakai| Fotos: Divulgação)

Divertidas, as brincadeiras com os animais têm importância muito maior do que o simples lazer. É por meio delas que os pets aprendem praticamente tudo o que necessitam para a sua sobrevivência. O modo como caçar e as habilidades sociais fazem parte dos benefícios proporcionados pelo ato de brincar. “Ao iniciarmos as brincadeiras, devemos lembrar que, para eles, tudo terá um significado. Brincando, eles aprimoram a inteligência e aprendem a solucionar problemas”, afirma o veterinário Nelson Eiti Kimura.

Além disso, as brincadeiras auxiliam no bem-estar dos animais. “Brincadeiras ajudam a manter o coração do cão saudável, mantêm as articulações lubrificadas e melhoram sua coordenação. Também melhoram a saúde mental. Jogos com regras forçam o cão a usar o cérebro, não apenas o corpo. Além disso, quando o cão brinca com outros cães ou pessoas, melhora suas habilidades sociais”, destaca o adestrador da escola Cães Maravilhosos, André Rosa.

Mantenha a hierarquia

Apesar de trazerem descontração, as brincadeiras devem ser levadas a sério, pois estimulam o desenvolvimento social do bichinho. “Muitas pessoas entregam um brinquedo ao animal e, ao tentar tirar o objeto, o filhote protege o brinquedo e rosna. Geralmente, muitos acham bonitinha essa atitude e ignoram esse comportamento do filhote. Ao proteger e rosnar, e pelo fato de não ter havido uma reação por parte do proprietário, o filhote passará a acreditar que será o futuro chefe do grupo e que, por isso, poderá se apossar de tudo o que quiser”, explica Nelson.

O ideal é que os jogos sejam focados no bem-estar do pet. “As brincadeiras devem estimular a autoestima do animal, visando sempre ao bem-estar. Pontos importantes são nunca estimular brincadeiras agressivas e manter a hierarquia”, orienta André.

Cuidados

Os pets devem brincar diariamente, para estimular a coordenação motora, a agilidade e a inteligência. “Na verdade, eles precisam ter uma atividade sempre. Podemos deixá-los com um brinquedo para se divertir. O proprietário pode brincar com os animais no tempo que lhe convier”, recomenda Nelson.

No entanto, a escolha dos brinquedos merece atenção, para evitar futuros acidentes. “Afaste objetos que possam machucá-lo e que sejam fáceis de engolir. Ofereça apenas brinquedos que não causem acidentes ao animal”, diz André.

Outro aspecto que merece cuidado são as brincadeiras entre animais pequenos e crianças. “Ambos gostam muito de correr e é assim que ocorrem acidentes. O filhote pode ser pisoteado ou a criança cair. Podem ocorrer fraturas e até a morte do animalzinho”, ressalta Nelson.

 

Benefícios

As brincadeiras oferecem diversas vantagens para o bem-estar do animal. Confira algumas delas.

• Saúde física:
As brincadeiras ajudam a manter o coração do pet saudável e as articulações lubrificadas.

• Saúde mental:
Por meio de jogos com regras, os animais estimulam o cérebro, aprimoram a inteligência e aprendem a solucionar problemas.

• Habilidades sociais:
Brincadeiras com outros animais ou pessoas ajudam na sociabilidade dos pets.

• Coordenação motora:
Com as brincadeiras, os animais passam a conhecer o próprio corpo e melhoram a coordenação motora.

 Pets do Leitor
 Arquivo: Pets
• Dia Mundial do Gato: veja como cuidar dos bichanos
• Saiba tudo sobre as vacinas
• Cuidados: Top 5 de verão
• Brincadeira que faz bem
• Esquilo da Mongólia
• Dia de banho!
• Atendimento de emergência
• Na hora da compra
• O melhor hotel para seu amigo
• Mais do que um bom amigo
• Adotar é tudo de bom!
• Alimentação para Aves: Balanceada e variada
• Independentes e bem nutridos
• Cuide bem da refeição do seu cachorro
• Evite as doenças de verão
• Câncer: diagnósticos e tratamento
• Tá nervoso? Vai brincar!
• Atenção com as unhas!
• Medicamento na medida certa
• Jabutis são animais tímidos e dóceis
• Um olhar esbranquiçado
• Calopsitas: Dócil e divertida
• Ferrets: Amistosos e brincalhões
• Animais idosos
• Diabetes?
• “Castrei, e agora?”
• Vermífugo: um importante aliado
• Iguana: Exótica e exigente
• Doenças do homem em animais de estimação
• Terapia comportamental
• Um pássaro do barulho
• “Cadê meu filhotinho?”
• Programa de adoção
• Florais para eles também!
• Um problema sazonal
• Top 5 de escovação
• Filhotes, filhotes, filhotes!
• Um coelho em sua vida
• “Que coceirinha...”
• Doença ou personalidade?
• Um peixe bom de briga
• Anticoncepcional: Problema ou solução?
• Meu pintinho amarelinho
• Cachorro Bem-Educado
• Farmácia Pet
• Adorável roedor
• Um amor de bicho
• Pet moderno

© Copyright 1992 - 2016 - NippoBrasil - Todos os direitos reservados - www.nippo.com.br

O conteúdo dos anúncios é de responsabilidade exclusiva do anunciante.
Antes de fechar qualquer negócio ou compra, verifique antes a sua idoneidade. Veja algumas dicas aqui.

Sobre o Portal NippoBrasil | Fale com o Nippo